“O prejuízo anda de ônibus”

 

         O prejuízo anda de ônibus, quando, cada funcionário chega atrasado no trabalho, prejudicando o progresso da sua Empresa, o desenvolvimento da sua Cidade e os cofres públicos do seu Estado. Se as "autoridades responsáveis pelos transportes públicos", avaliassem o montante desse prejuízo diariamente, teríamos como solucionar os problemas do trânsito nas grandes cidades. São Paulo não dorme...


Com o horário ampliado no período noturno (trabalho 24 horas), haverá condições de acomodação no trânsito, principalmente nos grandes centros comerciais, com benefícios para a população e lucros para a Nação.

 

Jayme Pereira da Silva -

e-mail: jaymensagens@globo.com

São Paulo, 05 de Maio de 2013